quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Biografia do Tarauacaense Doutor Djalma da Cunha Batista (médico, escritor e cientista)


Natural de Tarauacá, Acre, Djalma era filho de Gualter Marques Batista, advogado e Francisca Aciolly da Cunha Batista.

Formado em 1939 pela Faculdade de Medicina da Bahia, onde foi o orador da turma da formatura, destacando-se já naquela época pelo seu enorme valor e capacidade. 

Sua dedicação à profissão deu-lhe o renome nos âmbitos médico e cientifico, além do reconhecimento como um dos últimos grandes humanistas da Amazônia.

Pai dedicado e de forte personalidade, casou-se com Gilda Limongi Batista, filha de imigrantes italianos. Teve 08 filhos: Gilma, Guater, Djalma, Marilena, Edith, José Roberto, Francisca e Claudio.

Fundou, em fevereiro de 1940, o Laboratório de Patologia Clínica Dr. Djalma Batista Ltda, o qual funciona até hoje sob a direção de seus filhos.

Eleito Presidente da Associação Médica do Amazonas em duas oportunidades: de 1953 a 1956 e de 1960 a 1961.

Com uma equipe de abnegados colegas de profissão, entre os quais destacaram-se Dr. Moura Tapajóz, Dr. Garcia Gomes, Dr. Luis Montenegro, Dr. Carlos Mello e Dr. Olavo das Neves, fundou o Dispensário Cardoso Fontes, especializado em Tisiologia (tuberculose) e o Sanatório Adriano Jorge.

De 1959 a 1968, foi fundador e Diretor do INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), tendo sido criada, em 1995, a Fundação Djalma Batista, dentro daquela Instituição, na gestão do Dr. Lourenço Seixas.

Membro da Academia Amazonense de Letras e Presidente daquela Instituição em três biênios: 68-69, 70-71 e 72-73.

Após a sua morte, em 09 de agosto de 1979, Djalma Batista foi homenageado com a colocação de seu nome em uma das principais avenidas da cidade de Manaus, resultado de um projeto de autoria do então vereador Jair Cavalcante, médico e amigo de Djalma, o qual foi aprovado em Plenário na Câmara Municipal de Manaus, por unanimidade.

Ainda em 1979, foi homenageado com a Escola Técnica Djalma Batista, prestada pelo então Governador do Estado do Amazonas, Prof. José Lindoso.

Na cidade de Rio Branco-Acre, em 1981, foi homenageado com a colocação de seu nome em um dos pavilhões científicos da Universidade Federal do Acre.

Em 02 de outubro de 1980 no município de Tarauacá, através do Decreto Governamental nº 157, autorizada pela Portaria nº 230 de novembro de 1981, de SEC, foi criado a Escola de Ensino Médio Dr. Djalma da Cunha Batista em homenagem ao seu ilustre filho. 

O médico e escritor Djalma da Cunha Batista nasceu em Tarauacá (AC), no dia 20 de Fevereiro de 1916, e faleceu em Manaus (AM), em 20 de agosto de 1979. Era filho de Gualter Marques Batista, escrivão em Tarauacá, e Francisca Acioli da Cunha Batista. 

Casou-se com Gilda Lomongi Batista. Entre seus filhos, encontra-se o renomado cineasta Djalma Limongi Batista. 

Fez o curso primário no grupo escolar João Ribeiro e no Colégio São José, em Tarauacá. 

Cursou o secundário no Colégio Dom Bosco, em Manaus (1929-1933), e medicina na Faculdade da Bahia (1934-1939). 

Entre outras funções, foi presidente da Liga Amazonense contra a Tuberculose (1940-1950); Diretor do Departamento de Educação e Cultura do Amazonas no Governo Stanislau Affonso (1945-1946); Diretor da Associação Médica do Amazonas (1953-1956, 1960-1961); Diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (1959-1968); Presidente da Academia Amazonense de Letras (1968-1969, 1970-1971, 1972-1973). Entre outros trabalhos, escreveu: Letras da Amazônia (1938); Cultura Amazônica (1955); da Habitalidade da Amazônia (1965); O Complexo da Amazônia (1976), sua obra magna. 

Djalma foi um homem de ciência, da saúde e das letras que deixou uma contribuição indelével à história recente da Amazônia,  médico, escritor e cientista. 

DADOS PESSOAIS

Nascido em 20 de Fevereiro de 1916, em Tarauacá, Acre.

Filho de Gualter Marques Batista e Francisca Acioli da Cunha Batista.

Casado com Gilda Lomongi Batista.


FORMAÇÃO

1. Curso primário no Grupo Escolar João Ribeiro e no Colégio São José, em Tarauacá, Acre.

2. Curso secundário no Colégio Dom Bosco, em Manaus (1929-1933).

3. Curso médico na Faculdade da Bahia (1934-1939).


VIDA UNIVERSITÁRIA

1. Interno no Sanatório São Jorge, da Caixa de Aposentadoria e Pensões dos Ferroviários do Leste Brasileiro, Bahia (1936-1938).

2. Interno, por concurso de provas, da 1.a Cadeira de Clínicas Médica da Faculdade de Medicina da Bahia (Serviço do Prof. Armando Sampaio Tavares) – (1939).

3. Assistente do Laboratório de Pesquisas Clínicas do Prof. Jorge Leocádio de Oliveira, Bahia (1939).

4. Orador oficial da Sociedade Acadêmica Alfredo Brito (1938).

5. Orador da turma de médicos de 1939.


fontes: 
BATISTA, Djalma da Cunha. O Complexo da Amazônia: análise do processo de desenvolvimento. Rio de Janeiro: Conquista, 1976. p.13
Blog Alma Acreana

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

**********AÇÕES DESENVOLVIDAS EM 2010************

AÇÕES DESENVOLVIDAS EM 2010

  • Formação do quadro de lotação dos professores e funcionários de apoio junto a SEE;
  • Planejamento das ações para início do ano letivo;
  • Elaboração e acompanhamento dos cronogramas de planejamentos individuais e por área de estudos;
  • Elaboração do calendário escolar;
  • Reunião semanal às terças-feiras, para divulgação de informações, com a comunidade escolar;
  • Elaboração, execução e acompanhamento do PDE: Plano de Desenvolvimento da Escola;
  • Elaboração, execução e divulgação das prestações de contas dos planos de ações financeiras (PDDE, PAP, Fanfarra e Oficineiros);
  • Planejamento individual;
  • Planejamento por área;
  • Concurso de soletração;
  • Escolha da Miss e Mister;
  • Apresentação do tema “UM NOVO MILÊNIO SEM EXCLUSÕES” na avenida, ocasião do desfile em comemoração ao dia 24 de abril – Aniversário de Tarauacá;
  • Preenchimento da documentação e inscrição da Escola no Prêmio de Gestão Escolar 2010;
  • Contribuição no Novenário de São José e São Francisco com prendas para o leilão;
  • Evento em comemoração ao dia das mães;
  • Eleição do Grêmio Estudantil 2010;
  • Inscrição dos alunos e participação na olimpíada brasileira de matemática;
  • Realização de audiências públicas com a comunidade escolar e local para divulgação de resultados, ações desenvolvidas na escola, prestação de contas, discussão de problemas relacionados a natureza pedagógica e administrativa;
  • Realização de palestras com os temas:
ü  24 de abril: Aniversário de Tarauacá (história da cidade);
ü  15 de junho: Elevação do Acre a Estado;
ü  05 de setembro: Dia da Amazônia.
ü  07 de setembro: Independência do Brasil;
ü  15 de novembro: Proclamação da República;
ü  17 de novembro: Tratado de Petrópolis;
  • Realização da Festa Caipira 2010;
  • Participação nos Jogos Escolares: fase municipal, regional e estadual;
  • Acompanhamento e Monitoramento da frequência escolar;
  • Visita as famílias de alunos faltosos;
  • Acompanhamento aos alunos com dificuldade de aprendizagem;
  • Formação Continuada promovida pela Escola com o tema avaliação “Prova um momento privilegiado de estudo não um acerto de conta” - Vosco Moreto;
  • Participação nas formações oferecidas pela SEE;
  • Festa em comemoração ao dia do estudante;
  • Encontro com representantes dos bancos, comerciantes, prefeitura, entidades civis organizadas para divulgar os principais projetos e firmar parcerias;
  • Participação nas comemorações da semana da Pátria: hora cívica, jogos de praia e concurso de fanfarra;
  • Culminância dos Projetos Escolares:
ü  Sexualidade – PEEM(Programa Especial de Ensino Médio);
ü  Com a “Mão na Arte” – Arte;
ü  “Estética: uma questão de gosto ou exigência da vida moderna – Filosofia;
ü  Gincana Cultural – Comunidade Escolar;
ü  FETEM – Festival de Teatro do Ensino Médio - Arte/Português;
ü  Projeto de resgate a leitura e matemática básica – com os 1os anos da tarde (envolvendo todas as disciplinas, com o apoio da coordenação do ensino básico do Núcleo de Educação SEE);
ü  FEMEM – Festival de Música do Ensino Médio – Arte;
ü  Tom da Amazônia – PEEM;
ü  Educação à mesa – PEEM;
ü  Empreendedorismo, aprendendo a empreender;
ü  Penso, Logo Escrevo – Português – Produção;
ü  Programa de Rádio Ensino Médio em Debate;
  • Reuniões com a equipe gestora para estudos e planejamento;
  • Reuniões com famílias e alunos faltosos. (muitas reuniões)
  • Realização das oficinas do programa Ensino Médio Inovador: Teatro, Artes Visuais, Violão, Informática, Capoeira, Dança, Voleybol, Basquetebol, Handebol, Futsal;
  • Realização do Bingão do Ensino Médio 2010; 
  • Formatura do PEEM – Supervisão;
  • Certificação – Momento para certificar os destaques do ano letivo de 2010;
  • Confraternização da comunidade escolar;
  • Realização de matriculas para o ano de 2011;
  • Cerimônia de Certificação dos alunos concludentes do 3° ano.

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

CERIMÔNIA DE FORMATURA 2010

                     No dia 30 de dezembro de 2010 às 20h foi realizada a cerimônia de formatura dos alunos dos terceiros anos. 160 alunos  dos  três turnos concluiram o ensino médio.


 Professora Rosinéia homenageando os formandos
 Formandos
 Mesa de autoridades
 Orador da turma "B"
 Formandos
 Orador da turma "D"
 Orador da turma "E"
 Orador da turma "H"
 Oradora da turma "G"
 Entrega de certificados






 Pai e filha


Formandos
 Entrega de certificados

 Entrega de certificados

 Família

DESTAQUE

PROJETO "RESPEITO NÃO TEM COR TEM CONSCIÊNCIA" ACONTECE NESTA SEXTA FEIRA NA ESCOLA DJALMA BATISTA.

Professores das áreas de História e Geografia da Escola Estadual de Ensino Médio Djalma da Cunha Batista em parceria com a equipe ge...

MAIS VISITADAS