Começam as atividades do Programa Ensino Médio Inovador

Diretor Professor Francisco Souza

A nossa escola promoveu nesta quinta feira, 17 de março, a AULA INAUGURAL DO PROGRAMA ENSINO MÉDIO INOVADOR. O Evento coordenado pela equipe gestora da escola marca o início das atividades do Programa Ensino Médio Inovador através de Oficinas nas áreas de Teatro, Dança, Informática e Música. 

Na presença de estudantes, pais e coordenação, o Coordenador Professor Raimundo Accioly, fez uma apresentação do Programa aos presentes, falou da importância das atividades na vida dos estudantes e de seus familiares e do compromisso da Equipe Gestora da Escola em não medir esforços para aprofundar os mecanismos de melhoria da aprendizagem dos estudantes. 

O Diretor da Escola Francisco Souza falou em nome da Comunidade Escolar, agradeceu, especialmente, a presença dos pais e disse que essas atividades são apenas o início de uma série de medidas tomadas pelas escolas que serão desenvolvidas durante todo o ano de 2011 e que, com certeza, irão contribuir muito com a vida da comunidade escolar da Escola Djalma Batista.

Professor Accioly - Coordenador do Programa

Professor Rodiley - Coordenação Ensino Médio

Giovanni - Oficineiro de Música

Ítalo - Oficineiro de Informática

Sonaira - Oficineira de Dança

Conceição - Oficineira de Teatro

Estudantes e pais

Lista de presença

Pai de aluno

Momento Cultural com música 



Ensino Médio Inovador

O Programa Ensino Médio Inovador surgiu como uma forma de incentivar as redes estaduais de educação a criar iniciativas inovadoras para o ensino médio.

A intenção é estimular as redes estaduais de educação a pensar novas soluções que diversifiquem os currículos com atividades integradoras, a partir dos eixos trabalho, ciência, tecnologia e cultura, para melhorar a qualidade da educação oferecida nessa fase de ensino e torná-la mais atraente.

A proposta tem cinco questões centrais a serem discutidas no currículo do ensino médio.

A primeira é estudar a mudança da carga horária mínima do ensino médio para 3 mil horas – um aumento de 200 horas a cada ano.

A segunda é oferecer ao aluno a possibilidade de escolher 20% de sua carga horária e grade curricular, dentro das atividades oferecidas pela escola.

A terceira Busca associar teoria e prática, com grande ênfase à atividades práticas e experimentais, como aulas práticas, laboratórios e oficinas, em todos os campos do saber;

A quarta valorizar a leitura em todas as áreas do conhecimento; 

A quinta é garantir formação cultural ao aluno;

Comentários

MAIS ACESSADAS

Professora de Biologia ministra aula prática com ervas medicinais

FESTA CAIPIRA 2017 DA DJALMA BATISTA FOI REALIZADA COM SUCESSO.

EM AULA DE FILOSOFIA, ESTUDANTES DA DJALMA BATISTA DEBATEM REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL